26 abril 2008

Vida de Maria




Oh, Maria, sorri que a vida
é tão bonita de se viver.
Enxuga as lágrimas do seu rosto
que por desgosto teimam em correr.

A alegria só é curtinha
pra quem tem medo de vir a sofrer.
O trevo no bolso,
o terço no pescoço e a figa
não deixam a má sorte vencer.

O céu é grande mas não o bastante
pra que um sonho venha a se perder.
Faça um pedido e quem sabe um dia
uma estrelinha brilhe pra você.

 

Mesmo ausente saiba que existe
alguém que almeja o seu bem querer.
Pois, quando se ama não há distância
e cedo ou tarde o amor acha você.

Deixa a vida de Maria sorrir
como um raio brilhante a luzir.
Deixa a vida de Maria seguir
sem o medo de chegar no fim.
Deixa a vida de Maria inferir
que sentimentos são bons e ruins.
Deixa a vida de Maria ser feliz,
passarinho livre do gaiolim!.

video

Nenhum comentário: